Megaoperação que mobilizou o Oeste da Bahia termina com 30 alvos localizados

A megaoperação ‘Dark West’, que mobilizou as forças de segurança estaduais e federal, no Oeste da Bahia, terminou com 30 alvos localizados. Quadrilhas que agiam em Barreiras e mais oito cidades, com um dos líderes em São Paulo, foram desarticuladas, nesta quarta-feira (29).

A investigação, coordenada pelo Departamento de Polícia do Interior (Depin), através da 11ª Coorpin (Barreiras), foi iniciada há 10 meses, monitorando alvos em nove cidades das regiões Oeste e Chapada, com alguns criminosos, no sistema prisional e outro fora do estado.

Na madrugada desta quarta, durante ações simultâneas, 26 mandados de prisões foram cumpridos, sendo um em São Paulo e sete contra alvos, no Conjunto Penal de Barreiras. Na cidade paulista de Ibiúna, Wagner José dos Santos, o ‘Dinda’, foi alcançado por equipes da Bahia com apoio da polícia de SP. Mesmo longe o traficante comandava as ações da quadrilha, determinava mortes e fazia a logística para envio de drogas e armas.

No sistema prisional e também com participação ativa, nas atividades ilícitas, foram cumpridos mandados contra Itamário Lucas Monteiro, o ‘Gordinho’, Marizete Bezerra da Silva, a ‘Maria’, João Paulo dos Santos da Paz, Victor Cássio dos Santos Brito, Naiana de Souza Prado, Elison Rodrigues dos Santos, o ‘Bonito’, e Maicon Douglas Batista da Silva.

Nos municípios de Barreiras, Irecê, São Félix do Coribe, Cotegipe, Angical, São Desidério, Cristópolis, Luís Eduardo Magalhães e Santa Maria da Vitória foram presos Edmilson Cruz Bezerra Júnior, Evandro Souza Pereira, Anderson Rodrigues da Silva, Cleilton Alves Gaia, Clemilton Alves Gaia, Márcio Benedito Gaia de Souza, Humberto José Neves e Silva, Geozadak Gomes Rosa, João Almeida de Jesus, Cristiano Borges da Silva, Giselda Bezerra da Silva, Ivan Carlos Fiorese, Luciana Gomes de Oliveira, Renildo Assunção de Miranda, Fábio Júnior Pereira de Jesus, Benita Maria de Jesus, Laelton Vieira dos Santos e Fabiana de Jesus da Silva.

Em confronto com os policiais morreram os alvos prioritários Deilson de Araújo Rodrigues, o ‘Caladão’, Gilberto Santana Pimentel, o ‘Zabelê’, Alex da Silva Mercêdes e José Edílson Félix da Silva. Em imóveis ligados às quadrilhas foram apreendidos quantias em dinheiro, veículos, comprovantes de depósitos armas, entre outros materiais que estão sendo contabilizados.

Participaram da megaoperação Dark West equipes das polícias Civil (Depin, COE, Coorpins de Barreiras, Irecê, Bom Jesus da Lapa e Santa Maria da Vitória), Militar (Graer, Cipe Cerrado, Rondesp Oeste, 83ª CIPM e 40° BPM) e Rodoviária Federal.

‘Depois de ações impactantes e eficientes contra facções, nos municípios de Valença e Itaberaba, chegamos ao Oeste da Bahia. Os policiais civis e militares estão de parabéns pelo empenho diário. Os bons índices criminais são reflexos desta dedicação”, ressaltou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

COMPARTILHAR