Após parecer da PGR, defesa de Lula diz que pedido de liberdade não se baseia em reportagens de site

 

A defesa de Luiz Inácio Lula da Silva divulgou uma nota na última sexta-feira (21) na qual afirmou que o pedido de liberdade do ex-presidente apresentado ao Supremo Tribunal Federal (STF) não é baseado em reportagens publicadas pelo site The Intercept.

A nota foi divulgada após a Procuradoria Geral da República (PGR) ter se manifestado contra o pedido de liberdade de Lula. Segundo os advogados, o pedido é amparado em “graves fatos” que envolvem o julgamento de Lula.

Desde as últimas semanas, o Intercept tem publicado reportagens com mensagens atribuídas a Moro e a integrantes da força-tarefa da Lava Jato. Segundo o site, o conteúdo mostra que Moro, ainda como juiz, orientou a atuação de procuradores. O ministro e a força-tarefa da operação negam.

COMPARTILHAR