Candeias: I Ginga fez homenagem ao Novembro Negro

A Prefeitura de Candeias, por intermédio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, deu início no domingo, 19, véspera do Dia Consciência Negra, as atividades do Novembro Negro, com o 1º Ginga Candeias – Festival de Capoeira –, que foi realizado na Praça Doutor Gualberto Dantas Fontes.

O Novembro Negro, que tem por objetivo fortalecer e reconhecer a luta em prol da igualdade racial, conscientização da população, combate ao racismo e intolerância religiosa, acontece em 2017, trazendo diferentes ações para as ruas e espaços públicos do Município, e a questão da Capoeira é algo marcante nesse sentido, por representar a resistência dos povos negros e a importância da valorização da cultura popular, tão relegada pela sociedade durante anos.
cer a temática em torno da Consciência Negra e valorização e reconhecimento das lutas e resistência dos povos negros, é sem dúvida um dos principais objetivos da Secult Candeias na atual gestão.

Ainda, segundo o prefeito, Dr. Pitagoras Ibiapina, do PP, a sociedade candeense precisa se sensibilizar e apoiar a luta contra o racismo, enfatizando que, não é necessário ser negro para apoiar a causa, mas apenas ter consciência humana e agir enquanto cidadão. Por fim, acredita que eventos como o Festival de Capoeira, devem fazer parte das atrações culturais do Município todos os anos, levando em consideração a importância da Roda de Capoeira como sendo símbolo de umas das principais manifestações culturais do país.

COMPARTILHAR