Cid Gomes diz que PT tem que pedir perdão se quiser continuar como partido

 

Senador eleito pelo PDT e ex-governador do Ceará, Cid Gomes criticou hoje (31) a postura do Partido dos Trabalhadores na eleição presidencial deste ano.

Em entrevista ao programa Timeline, da Rádio Gaúcha, Cid afirmou que o PT precisa rever sua postura e se desculpar com o povo brasileiro. “O PT tem é que botar o rabo entre as pernas e pedir perdão ao povo brasileiro. Isso se quiser continuar como um partido. Se quiser ficar como uma seita, muito bem”, disse ele.

Cid se mostrou, ainda, incomodado com o fato de integrantes e apoiadores do PT cobrarem um posicionamento dele e de seu irmão, Ciro Gomes, durante segundo turno da corrida presidencial. “Eu não tenho que dar explicação nenhuma ao PT. Se a gente for ver a história, o PT teve muito mais ajuda minha, do que me ajudou. Ao contrário, sempre trabalhou nas questões nacionais em nosso desfavor”.

COMPARTILHAR