Em assembleia, servidores municipais decidem pela greve geral

Os servidores municipais de Salvador deliberaram, nesta terça-feira (31), pela greve geral. A decisão foi tomada durante assembleia geral, no Ginásio dos Bancários.

Segundo o diretor do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (SINDSEPS), Bruno Carinhanha, a greve começa na segunda-feira (6), respeitando a legalidade de 72 horas.

“O nosso ponto principal é o reajuste salarial (6,8%). A gente está dialogando, também, algumas questões de lei que ele precisa cumprir como: avaliação de desempenho, a questão do auxílio transporte que foi retirado, auxílio alimentação que a gente também pede reajuste”, explicou o diretor.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Gestão disse que a pasta ainda não foi notificada sobre a decisão da categoria. Na quarta-feira (1°), o SINDSEPS vai realizar um ato, na frente do Shopping da Bahia, a partir de 9h.

COMPARTILHAR