Quatro homens são presos em operação policial no bairro Sete de Abril

 

Quatro homens armados foram presos na tarde deste domingo, 10, durante operação conjunta das policias Militar e Civil, após invadirem uma residência no bairro de Sete de Abril, em Salvador. Em vídeos compartilhados nas redes sociais, o grupo de suspeitos alegava que teriam feito um refém na ação, informação desmentida posteriormente pelas equipes.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), as equipes receberam a denúncia anônima ainda pela manhã, através do Centro Integrado de Comunicação (Cicom), informando sobre vários homens armados praticando crimes na região de Castelo Branco, na rua Adriana Farias.

Quando os agentes chegaram no local indicado, os suspeitos teriam iniciado um tiroteio. Durante a ação, alguns dos criminosos conseguiram fugir, enquanto outros invadiram uma residência na rua Agnaldo Santos, no bairro de Sete de Abril. As equipes cercaram o imóvel e iniciaram uma negociação com o grupo.

Em vídeo enviado ao A TARDE, é possível ver os homens armados dentro de uma residência, alegando estar sob domínio de um refém e dizendo que ele iria morrer. “Só sai daqui com uma reportagem. Vai morrer o refém, vai morrer todo mundo”, diz um dos sequestradores.

Durante outro vídeo encaminhado, o mesmo suspeito aparece dizendo que o grupo estaria cercado por equipes da Rondesp, que teriam jogado gás lacrimogêneo no imóvel. Ao fundo, é possível escutar um dos comparsas dizendo que estava ferido.
“Vou dizer mais uma vez. Estamos com um refém aqui no bairro de Castelo Branco. Nós já estamos rendidos, a casa está cercada e a polícia está querendo matar nós (sic)”, explicou.

COMPARTILHAR