Restrição em Salvador vai atingir pelo menos três áreas; veja lista

 

O governador Rui Costa e o prefeito ACM Neto (DEM) decidiram que as restrições de circulação vão atingir os bairros da Boca do Rio, Plataforma e a Avenida Joana Angélica. A informação confirmada por fontes do BNews nos bastidores e confirmada pelos dois gestores. Neto já havia mencionado a Avenida Joana Angélica anteriormente como foco de alta circulação.

Em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (7), Neto afirmou que não é correto utilizar o termo “lockdown”, já que as pessoas não estarão limitadas a ficar recolhidas em casa. Nestas áreas, serão feitas ações de distribuição em massa de máscaras, aplicação de testes rápidos, medição de temperatura, distribuição de cestas básicas para ambulantes e feirantes, ações de higienização, entre outros.

As medidas podem acontecer com ou sem alteração na mobilidade. O transporte público permanecerá inalterado. As interdições viárias vão acontecer das 7h às 19h, que é o horário de pico. As medidas valerão a partir de sábado, com prazo inicial de sete dias. Moradores, mediante apresentação do comprovante de residência, poderão acessar os bairros a qualquer hora do dia.

Todas as atividades comerciais, formais e informais, assim como serviços não essenciais, estarão proibidas – exceto supermercados, farmácias, bancos e lotéricas. O comerciante que desobedecer a restrição terá o estabelecimento interditado.

As barreiras serão feitas pela Transalvador com apoio da Polícia Militar.

Fonte: BNews

COMPARTILHAR