Sedur garante que “não há nenhum tipo de risco de colapso na estrutura” do Shopping Paralela

 

O secretário municipal de Desenvolvimento e Urbanismo, Sérgio Guanabara, acalmou os funcionários e clientes do Shopping Paralela. O gestor informou que “não há nenhum tipo de risco de colapso na estrutura, de desmoronamento ou do equipamento ruir”.

Ele garantiu que está “bastante tranquilo” em relação ao suposto perigo no centro comercial, pois uma equipe de fiscais e engenheiros da Sedur foi até o local acompanhada de especialistas da Defesa Civil de Salvador (Codesal) e do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (CREA).

“Essa análise é indicativa de que não há nenhum tipo de risco de colapso na estrutura, de desmoronamento ou do equipamento ruir. Então, isso é ponto pacificado e o equipamento é seguro e não oferece risco à vida ou à segurança das pessoas”, assegurou Guanabara. Quanto à obra que acontecia no local, para a construção de outro piso, ele disse que foi finalizada em fevereiro.

Em relação ao desnível do piso da G2, a Sedur não abre mão da correção, já que o argumento apresentado pelo Paralela não foi aceito pela equipe técnica. “Eles vão atender o que a Sedur determinou. A correção do piso vai acontecer ao longo de 30 dias de intervenção e vai ser visível para as pessoas que aquela área foi isolada e que eles fizeram o que nós determinamos”, ressaltou.

COMPARTILHAR