Wagner aposta que Lula será candidato “até o final” e fala na construção de “ampla aliança”

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, o ex-governador Jaques Wagner (PT), apostou que o ex-presidente Lula será candidato “até o final” e disse que o PT está costurando uma “ampla aliança” para a candidatura do petista.

“Se tivesse prova, tudo bem. Aliás, quem criou a Lei da Ficha Limpa fomos nós. Lula vai ser lançado na candidatura, vai ser aclamado, estamos trabalhando para costurar uma aliança o mais ampla possível. E, na minha opinião, ele vai até o final”, avaliou, em entrevista à TVE.

Já foi noticiado que o PP e o PR podem caminhar com Lula, principalmente se o petista se livrar da inelegibilidade.
“Eu digo sempre que é como se os outros países quisessem que a gente fosse para a Copa sem Neymar, o nosso craque. Lula é o nosso craque na política, pelo menos para os que acreditam no nosso projeto”, prosseguiu Wagner, acrescentando que o maior erro do PT foi não ter feito a reforma política em 2003.

“Acho que pessoas se perdem no caminho. Não adianta esperar dar boas-vindas à honestidade individual se o arcabouço político é podre. A lei partidária no Brasil é louca, a lei eleitoral é ineficiente. E nós pecamos por não ter feito a mãe das reformas, que é a reforma política”.

COMPARTILHAR